OS POSITIVOS

age to come

Ficámos das eras. Era disto, era daquilo, o feed insistiu duas vezes o mesmo republish da "era do ódio", do qual recortamos cite:

Enquanto à superfície as forças radicais vão forçando as fronteiras do aceitável, persistindo na descredibilização das instituições e relativizando a realidade, no plano subterrâneo vão infectando sem controlo os crentes, os sedentos e os vulneráveis. A par da infinitude de coisas extraordinárias que a Net e as redes sociais nos trouxeram, grassa aí todo o tipo de informação especulativa e manipulativa, sendo a nova arma de destruição maciça com exércitos poderosos e eficazes.
in "A era do ódio" 12 mai 2024

Informação especulativa e manipulativa, arma de destruição maciça cujos arsenais são empilhados diariamente nos media. Se a solução é devolver-lhes o monopólio, temos as nossas dúvidas. Contraponto com mais um manifesto web, insistimos que este é um espaço aberto e democrático mas sitiado e em risco de apropriação — como as democracias IRL já o foram.

The web is becoming hostile to humans ['cuz] it implies a more passive relationship of consuming content. In reality, we should all have the opportunity to create, publish, build and consume content on the web. Like a functioning society, we take what we need, and we contribute what we can. We are citizens of the web. [...] Just as opting out of society is virtually impossible [...] we all have a duty of care and respect, and we all have a stake in a humane web.
in "Manifesto for a Humane Web" last edited 2024-05-13