OS POSITIVOS

manutenção aka purga

Caros,
os mais antigos conhecem o drill e já o sobreviveram algumas vezes no passado: sincronizámos contactos, picámos todos aqueles não precisamos agravar (médico de família, oficina, alma mater, a crush da primária que nunca mais cruzámos caminho mas temos email, a DT dos miúdos, etc…), no processo removemos os spams mais óbvios, e zelosamente reservámos de lado quem não reconhecemos o arroba. Obviamente: asneira, reclamações acumuladas de quem ficou de fora, e obrigados a mais uma limpeza dos nossos cadernos eleitorais disparando para a lista geral. Senhores: 1) quem não devia estar aqui cancele-se a si mesmo, link "não quero receber" no final das newsletters; 2) os que estranharam mas entranharam… er, bem-vindo? reencaminha aos amigos? 3) quem está bem não tem que fazer nada — OS POSITIVOS, premiamos os preguiçosos.

Digest Legislativas 2024 (parte 1 de quantas?):

Parece que amanhã já há uma greve qq, quiçá mais um dia de reflexão em tão poucos dias. Os jornalistas protestam contra as condições de trabalho quando as redes sociais lhes roubam a audiência e publicidade, empurrando as audiências para as redes sociais por um dia inteiro. Diz não à droga, é má para ti, toma um kilo de coca para aprenderes a lição. Se os vossos quiosques digitais estiverem a zero, aqui nos têm: recuperamos aos que barrámos da conversa as entradas à eleição. Não nos imaginem substituir a imprensa, mas considerem-nos uma nuance acrescentada, diversidade recomenda-se. É tirar o dia, “não interromper” na porta, uma música, se alguém perguntar estão a ver porno e agradecem a privacidade, 3 minutos sem interrupções sff por amor de deus irra. A sua leitura poderá causar certo desconforto porque escritas à actualidade por vir entretanto ida, talvez algum valor extra lhe encontrem na revisão.

mais cortes